Cristtiane escreve mensalmente, sempre na segunda-feira.
“Festa da “firma”


Fim de ano e começa tudo de novo. Amigo secreto da empresa, amigo secreto do cliente, amigo secreto do condomínio, amigo secreto da academia, amigo secreto do clube de mães, amigo secreto do futebol, amigo secreto que não tem fim. E ainda tem as festinhas que encerram o ano.
O momento é de descontração mas nem por isso a gente precisa deixar o bom senso de lado. Quando o assunto é o que vestir, é bom pensar que a maneira como vai se apresentar é uma forma de prestigiar quem está convidando. Se a gente não dá bola e vai de acordo com o humor, pode parecer que não está dando importância para o que está acontecendo.
Vou listar alguns tipo de trajes universais. A maioria das empresas não informa qual é o tipo de evento. Mas outras, pelo tipo de negócio, já dá para imaginar. Perceba que você pode andar no caminho do meio (nem de mais e nem de menos!).

TRAJE ESPORTE

É o mais simples e informal, porém, não é sinônimo de desleixo.
Isso quer dizer que não vale qualquer roupa. Por isso, não se pode aparecer de shorts ou bermudas (homens), saias e vestidos curtíssimos (mulheres) ou com sandálias de dedo tipo rasteirinhas e chinelos, como se estivesse na praia (ainda que o evento seja um lual).
Para as mulheres, nada de sedas, bordados e brilhos, nem maquiagem pesada. Opte por Conjuntos de blusa e calça ou saia de tecidos leves, vestido na altura dos joelhos.
Não é momento também de usar saltos muito altos, afinal o traje é esporte, por isso
sandálias baixas, sapatilhas e mocassins são bem-vindos. Se for de dia, bolsas maiores de couro, lona ou mesmo de materiais rústicos como a palha podem ser muito charmosas. Jóias delicadas ou bijuterias pequenas.

Para os homens uma boa opção são as calças de tecido brim, sarja ou de gabardine caqui, com camisas lisas, xadrezes ou listradas de manga longa dobrada ou do tipo pólo. Vale jeans azul escuro. A ocasião dispensa paletós e gravatas. Blazer, só se estiver frio. É hora dos mocassins esportivos e botas de camurça.


TRAJE PASSEIO, ESPORTE FINO

Um pouco de formalidade é o que pedem estes nomes.
Para as mulheres, é hora de uma roupa mais caprichada. Até as 18 horas: pantalonas e túnicas; tailleur de calça ou saia com blazer. A bolsa ainda é esportiva, porém em tamanho menor. Se o programa for noturno, um pretinho cai bem, com salto alto e uma bolsa pequena. Nos dois horários do dia, prefira tecidos mais secos: sedas, microfibras, linhos, algodões e jérseis. Nada muito brilhante nos acessórios, nem maquiagem carregada.


Para os homens, até as 18 horas, calças esportivas, mas acompanhadas de blazer.
Costume claro com gravata; ou calça e blazer escuro, com ou sem gravata. Mocassins marrons ou pretos. À noite, costume (que sempre vem acompanhado de gravata). Nada de costume marrom. Prefira azul ou cinza com mocassim social preto e gravata.

PASSEIO COMPLETO OU SOCIAL

Formalidade "completa".
Para as mulheres, conjuntos de crepe, tailleurs de seda, vestidos de mousseline. Decotes e fendas discretos, vestidos de alça ou tomara que caia, bordados sutis. Os tecidos ficaram mais importantes: das sedas aos tafetás. Bolsas pequenas. Sapatos ou sandálias de saltos altos, com ou sem meias finas. Boas saídas para a noite são os xales e echarpes, mas de tecidos nobres, ou blazers sofisticados. É hora de usar as jóias, mas sem excesso. A pérola é o grande clássico. Vale também uma bijuteria sofisticada, evite as bijuterias tipo fantasia. Maquiagem muito bem cuidada e cabelos mais arrumados.

Para os homens costume ou terno de padrão único escuro, com camisa social (sem botões no colarinho) em cores lisas ou listras fininhas. Sapato preto de couro. O charme fica por conta da gravata. Relógios, de preferência os modelos tradicionais de ouro ou platina.

Encerramos 2016 com mais esta coluna. Ao longo do ano tratamos de assuntos gerais dentro do meio corporativo. Falamos de como vestir, de como se comportar, de regras de etiqueta. Para 2017 temos novidades. Eu continuarei por aqui mediando essa conversa. Aguardem.